Seja Diplomata, Faça Sapientia Recorde de Aprovação no CACD

Matricule-se Agora

Conteúdo Sapiente

Complemente seu Estudo



Fatos Históricos

40 anos da Revolução Iraniana

40 anos da Revolução Iraniana

Conteúdo postado em 19/02/2019

Olá, Sapientes!

 

Preparem-se, que hoje tem efeméride na História Mundial! Aliás, em 2019, várias datas importantes serão comemoradas. Então já fiquem ligados, pois a gente vai registrar tudo por aqui, hein? E, no dia 11 de fevereiro, quem fez “aniversário”, foi a chamada Revolução Iraniana, ou seja, a derrubada de uma dinastia monárquica pró-Ocidente e a consequente criação da República Islâmica do Irã.

 

Vocês se lembram daquele filme “Argo”, que ganhou o Oscar em 2013? Muito bem, a época que o filme retrata – 1979 – é justamente o momento da eclosão dos protestos, em que mais de 2 milhões de pessoas foram às ruas, com o apoio do exército, para se manifestarem contra o xá Mohammad Reza Pahlev, que, eu seu governo, estabelecera reformas na tentativa de promover a ocidentalização do país.

 

A criação da República Islâmica marcou a derrubada de um dos impérios mais antigos do mundo para a instauração de um regime teocrático baseado, em grande medida, nas escolhas ideológicas do aiatolá Ruhollah Khomeini, o grande líder do movimento revolucionário. Ações como o controle das mídias, a segregação de gêneros e a proibição de bebidas alcoólicas foram implementadas para coibir qualquer tentativa de influência ocidental no país.

 

Embora a situação tenha se atenuado nos dias de hoje, o Irã vive em constante clima de revolução contra o Ocidente, para que tentativas de manifestação popular sejam mais facilmente contidas e o regime atual disponha de meios para permanecer no poder por mais tempo.

 

Mas eu devo saber essa data para o CACD?

 

Para o Concurso de Admissão à Carreira Diplomática, além de nos lembramos em qual ano a Revolução ocorreu, é ainda mais importante sabermos em que momento na história o movimento aconteceu, seus motivos e quais as implicações dele no mundo.

 

De fato, História Mundial é uma disciplina de grande relevância para o concurso, tendo em vista o seu notável peso na fase objetiva. Na prova do ano passado, foram 11 questões de um total de 73. Isso significou 15% da nota final dessa primeira fase. No entanto, há que se ter em mente que, na fase dissertativa subsequente, essa matéria não é cobrada, portanto, seu estudo deve ser estrategicamente planejado para não ocupar mais tempo que deveria.

 

E como eu faço um planejamento de estudos para História Mundial?

 

Modéstia à parte, o Sapientia é o lugar certo para você encontrar a orientação adequada em seu planejamento de estudos não só de História Mundial, como das demais matérias. O nosso corpo docente é reconhecidíssimo no mercado e ele vai te mostrar o passo a passo de como montar a sua estratégia de estudos para todas as disciplinas cobradas no concurso.

 

E este é o momento ideal, pois o nosso curso regular extensivo (CRE) está com uma turma novinha em folha que acabou de começar. Todas as matérias são oferecidas com aulas online 100% inéditas, plantão de dúvidas diretamente com os professores e materiais em PDF. Imperdível, né?

 

>>> Conheça mais sobre nosso curso regular clicando aqui.

 

Até a próxima!

 

 

CACD-diplomata-itamaraty-diplomacia-40-anos-da-revolucao-iraniana

ARTIGOS RELACIONADOS