Seja Diplomata, Faça Sapientia Recorde de Aprovação no CACD

Matricule-se Agora

Conteúdo Sapiente

Complemente seu Estudo



Quero ser Diplomata, e agora?

Qual o impacto do exercício físico nos estudos?

Qual o impacto do exercício físico nos estudos?

Olá, Sapientes!

 

Todos nós já ouvimos falar sobre a tríade para se ter uma vida mais saudável: alimentação balanceada, atividade física e sono de qualidade, não é mesmo? O problema é que, quando começamos a estudar para um concurso, as coisas parecem sair um pouco dos trilhos. A alimentação já não fica tão equilibrada, o sono começa a ser afetado pela ansiedade e a atividade física acaba sendo deixada de lado. Não que isso seja regra, mas, se esse é o seu caso, hoje nós vamos falar um pouco sobre a importância de um desses pilares que não pode ser ignorado em seus estudos: o exercício físico. Vamos lá?

 

O exercício físico tem impacto sobre os estudos?

 

Sim! Colocar o corpo em movimento não é só importante para se ter uma vida mais equilibrada, mas também pode ser considerado uma ótima estratégia para impulsionar seu aprendizado. Isso porque a atividade física está relacionada a dois fenômenos fundamentais em nosso cérebro: a neurogênese e a neuroplasticidade, ou seja, a formação de novos neurônios e a capacidade do sistema nervoso de mudar, adaptar-se e criar novas conexões.

 

Muitas pesquisas já revelaram que o exercício físico aumenta a circulação de sangue no cérebro e favorece a comunicação entre os neurônios, criando um ambiente perfeito para o crescimento de novas células nervosas e a recuperação daquelas que tiveram sua estrutura danificada. E o mais interessante é que os novos neurônios são gerados especialmente no hipocampo, aquela parte do cérebro responsável pela aprendizagem e memória. Sensacional, né?

 

Ademais, com esse crescimento da atividade cerebral propiciado pelo aumento da circulação sanguínea, os neurônios que já existiam tornam-se capazes de fazer mais conexões, o que impacta diretamente na melhora de nossa cognição. Isso significa que nossa capacidade de compreensão e assimilação de conhecimento será impulsionada só por fazer o corpo se mexer.

 

Para quem quer estimular o raciocínio, os pesquisadores indicam atividades aeróbicas como corrida, caminhada, ciclismo, natação, pois são elas as mais eficientes nesse aumento do fluxo sanguíneo para o sistema nervoso. E calma! Não é preciso virar um atleta de elite para ter resultado. Comecemos devagar. Trinta minutos de exercício físico, três vezes por semana, já vão fazer com que a gente sinta o efeito em pouco tempo. Mas lembre-se: antes de iniciar uma atividade física, é preciso passar por uma avaliação médica. E não é desnecessário enfatizar que o exercício físico deve ser sempre acompanhado por educador físico, combinado?

 

E como saber se o que estou estudando está certo?

 

Não se preocupe, pois não poderia haver melhor pergunta a se fazer agora. Aqui no Sapientia, nossa equipe de professores é expert nas matérias que caem no Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD) e ela vai te orientar certinho, ponto a ponto do edital, sobre qual capítulo de livro ler para que cada item seja assimilado da melhor forma.

 

E sabe qual o curso ideal para este início de preparação? O nosso Curso Regular Extensivo. É tudo bem explicadinho e sem perda de tempo. Sem contar que as aulas são online e 100% inéditas, com plantão de dúvidas diretamente com os professores e material em PDF disponibilizado aos alunos. Dica mais que valiosa, né?

 

>>> Conheça mais sobre o nosso curso regular clicando aqui.

 

Até a próxima!

 

 CACD-diplomata-itamaraty-diplomacia-qual-o-impacto-do-exercicio-fisico-nos-estudos

ARTIGOS RELACIONADOS