Seja Diplomata, Faça Sapientia Recorde de Aprovação no CACD

Matricule-se Agora

Conteúdo Sapiente

Complemente seu Estudo



Sugestão de Leitura

Sugestão de Leitura para o CACD: Guerra do Paraguai

Sugestão de Leitura para o CACD: Guerra do Paraguai

Conteúdo postado em 02/05/2019

Olá, Sapientes!

 

Se tem um capítulo da história de nosso país que não pode passar batido em nossos estudos é a Guerra do Paraguai. Trata-se de um tema abordado, em nosso edital, pelo item 5.2, do conteúdo programático de História do Brasil, o qual demanda o conhecimento acerca da política externa brasileira desse período, envolvendo, entre outras questões, a Guerra do Paraguai.

 

Por essa razão, a nossa dica de hoje é para dar um upgrade nessa temática, por meio de uma obra escrita por um professor que já foi membro da banca do concurso para diplomata, Francisco Doratioto. É o livro intitulado Maldita Guerra: nova história da Guerra do Paraguai.

 

A obra foi publicada em 2002, após quinze anos de pesquisa, dentre eles, três anos em que o autor viveu no Paraguai e pode conhecer, de perto, a memória desse povo ainda presente acerca de um acontecimento que mudou a história de seu país. É, de fato, uma leitura crucial para o tema, principalmente porque refuta “a interpretação de que o imperialismo inglês seria o responsável pelo desencadear da luta”.

 

Contudo, não se enganem! Por se tratar de um calhamaço de quase 500 páginas, excluindo as inúmeras notas e referências bibliográficas, hoje nós indicaremos a leitura de um pouco mais de 100 páginas, escolhidas a dedo, para fornecer aquilo que você precisa para o concurso. Tomem nota: leiam apenas a “Introdução”, o capítulo 1 “Tempestade no Prata” e as “Conclusões”.

 

Por ser uma obra que não está mais sendo reimpressa, é possível encontrá-la em sebos físicos ou virtuais, porém sugerimos que vá a uma biblioteca de sua cidade e faça o seu empréstimo. Assim, economizamos e obtemos acesso ao que realmente precisamos. Partiu leitura?

 

E qual a importância de História do Brasil para o CACD?

 

Se tem uma matéria que pode ser considerada parte do esqueleto do Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD) é História do Brasil. No último edital do CACD, realizado em 2018, a primeira fase objetiva contou com 11 questões dessa matéria das 73 totais. Foram nada mais, nada menos que 15% da nota final. E, na terceira fase do concurso, História do Brasil teve uma prova exclusiva, com 4 questões dissertativas, somando até 100 pontos na nota classificatória final. Não tem jeito. Se existem matérias em que devemos ser bons para o concurso, História do Brasil, certamente, é uma delas.  

 

Quer uma dica sensacional para o estudo de História do Brasil?

 

O Sapientia acabou de lançar um novo módulo do Curso Regular de Aprofundamento inteiramente dedicado a destrinchar as principais vertentes de análise sobre a História do Brasil. É o novo curso de Historiografia do Brasil para o CACD, no qual você terá a sua compreensão estrategicamente sistematizada em torno dos principais pensadores cobrados pela banca organizadora do concurso. É um conhecimento diferenciado para todos aqueles que gostariam de julgar as assertivas da primeira fase com mais segurança e de desenvolver argumentos de maneira mais sólida na prova dissertativa. Uma chance única, não acham?

 

>>> Conheça mais sobre os nossos cursos de aprofundamento clicando aqui.

 

Até a próxima sugestão de leitura!

 

CACD-diplomata-itamaraty-diplomacia-sugestao-de-leitura-para-o-cacd-guerra-do-paraguai

ARTIGOS RELACIONADOS