Seja Diplomata, Faça Sapientia Recorde de Aprovação no CACD

Matricule-se Agora

Conteúdo Sapiente

Complemente seu Estudo



Quero ser Diplomata, e agora?

Inimigos do CACD: ansiedade, impaciência, estafa mental e rotina

Inimigos do CACD: ansiedade, impaciência, estafa mental e rotina

Olá, futuros diplomatas!

Não há como passar pela trajetória de preparação para o CACD sem enfrentar alguns desafios. Talvez a melhor forma de lidar com tudo isso seja sabendo identificar o que você vai encontrar pela frente. Sendo assim, o Blog Sapi resolveu trazer quatro desafios que todo ceacedista encontra mais cedo ou mais tarde. Confere aí!

 

 

1) Ansiedade

Uma parte importante da preparação para o Concurso para Diplomata, e mesmo da preparação para a carreira diplomática em si, é aprender a lidar com a ansiedade. Tanto na prova quanto na carreira, você vai precisar tomar decisões friamente, agir sem precipitação e dormir bem para estar com uma cabeça boa no dia seguinte. Para obter sucesso nessas ações, é necessário aprender a domar a ansiedade.

 

 

2) Impaciência

Muita gente começa o processo de preparação para o Concurso da Diplomacia com a certeza de que além de conseguir se preparar para todas as etapas do CACD, também vai aprender e revisar todos os pontos do edital em um ano. De fato, não é algo impossível de atingir, mas para isso você precisaria ter muito tempo livre para os estudos ou então já ter começado a aprender os temas do edital antes de decidir começar a estudar seriamente para a prova. Como esse não é o caso da maioria das pessoas, nossa dica é: tenha paciência e respeite o seu tempo. Quanto antes você aceitar que a preparação demanda tempo, mais rápido vai parar de se frustrar tanto com isso.

 

 

3) Estafa mental

Aprenda a identificar os sinais que seu corpo te dá. Você tem que ter em mente que a preparação para o Concurso do Itamaraty é uma maratona longa e não uma corrida de 100 metros. Baixa concentração, dificuldades para dormir, desânimo e dores de cabeça frequentes podem ser sinais de que você está em processo de estafa mental, ou seja, próximo ao esgotamento. Fique alguns dias sem se preocupar com a prova e é muito provável que quando você voltar a pensar nela, a rotina de estudos vai render muito mais.

 

 

4) Rotina

Esse é um ponto que está muito ligado à estafa mental. Para evitar chegar a este ponto, a dica é trocar os horários e a organização da rotina a cada seis meses. Assim, você também se livra da impressão de que a semana está passando em um piscar de olhos e de que vai faltar tempo.

 

Se tornar um diplomata é o seu objetivo?


Para você que está começando agora sua preparação para o Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD) e também para você que já se prepara há algum tempo e busca uma estratégia de estudos dinâmica e eficiente, o Sapientia desenvolveu a Trilha Regular Extensiva (TRE), um programa completo pensado para otimizar sua preparação, perpassando todos os itens do edital do concurso de forma sólida e pragmática. A TRE utiliza o que há de melhor dos recursos multimídia para unir teoria, prática e aprofundamento para te auxiliar a atingir um ótimo resultado no Concurso da Diplomacia. Curtiu a ideia?

 >>> Conheça mais sobre nosso curso regular clicando aqui.

Bons estudos e até a próxima!

 

sugestao-de-leitura-para-o-cacd-o-quinze

ARTIGOS RELACIONADOS