Seja Diplomata, Faça Sapientia Recorde de Aprovação no CACD

Matricule-se Agora

Conteúdo Sapiente

Complemente seu Estudo



Sugestão de Leitura

Sugestão de leitura para o CACD: Relatório Global Trends - Forced Displacement in 2020

Sugestão de leitura para o CACD: Relatório Global Trends - Forced Displacement in 2020

Conteúdo postado em 25/06/2021

Olá, sapientes!

 

O relatório publicado anualmente pelo ACNUR é uma das principais fontes de dados para as questões da primeira fase do CACD que tratam de migração. É por isso que os professores de geografia sempre recomendam a leitura integral do relatório mais recente.

 

Por isso mesmo, o blog Sapi vai dar uma forcinha para quem ainda não está acostumado com a leitura desse tipo de relatório da ONU, resumindo os pontos mais importantes do "Global Trends: Forced Displacement in 2020''.

 

Antes de começar, é bom ter em mente que o impacto da pandemia nas migrações internacionais ainda não está bem claro. No entanto, foi percebido a chegada de cerca de 1,5 milhão de pessoas a menos do que esperado em condições normais.

 

1 em cada 95 pessoas

 

Barreiras sanitárias foram impostas em diversos países para dificultar os deslocamentos populacionais e evitar a dispersão da  COVID-19. Ainda assim, 1 em cada 95 pessoas se encontra em situação de migração forçada, o que representa um drástico aumento em relação a 2010, quando a situação era de 1 em cada 159 pessoas.

 

Países que mais acolhem refugiados

 

A Turquia continua sendo o país que mais recebe refugiados, acolhendo um número que chega a quase 4 milhões de deslocados forçados, advindo principalmente da Síria. A Colômbia ficou em segundo lugar, recebendo mais de 1,7 milhão de imigrantes venezuelanos, como já apontava o relatório do ano passado. Em seguida, está a Alemanha, com 1,5 milhão de refugiados (destes, 44% são provenientes da Síria), e o Paquistão e Uganda, com 1,4 milhão cada. 

 

Países com o maior número de pessoas deslocadas forçadamente

 

Os cinco países com o maior número de pessoas deslocadas forçadamente para além das fronteiras nacionais são, em ordem, Síria, Venezuela, Afeganistão, Sudão do Sul e Mianmar. Mais de 80% dos refugiados sírios permanecem em países vizinhos. O mesmo ocorre com mais de 70% dos migrantes venezuelanos. 

 

Mas, já adiantamos que não basta ler só esse resumo que fizemos, ok? O melhor é estudar o relatório na íntegra. E, para isso, basta clicar aqui.

 

Ser diplomata está em seus planos?

 

Para você que está começando agora sua preparação para o Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD) e também para você que já se prepara há algum tempo e busca uma estratégia de estudos dinâmica e eficiente, o Sapientia desenvolveu a Trilha Regular Extensiva (TRE), um programa completo pensado para otimizar sua preparação, perpassando todos os itens do edital do concurso de forma sólida e pragmática. A TRE utiliza o que há de melhor dos recursos multimídia para unir teoria, prática e aprofundamento para te auxiliar a atingir um ótimo resultado no Concurso da Diplomacia. Curtiu a ideia?

 

 >>> Conheça mais sobre nosso curso regular clicando aqui.

 

Até a próxima!

sugestao-de-leitura-para-o-cacd-o-quinze

ARTIGOS RELACIONADOS