Seja Diplomata, Faça Sapientia Recorde de Aprovação no CACD

Matricule-se Agora

Conteúdo Sapiente

Complemente seu Estudo



Atualidades

Sri Lanka, uma pérola na nova rota da seda

Sri Lanka, uma pérola na nova rota da seda

Conteúdo postado em 30/09/2020

Olá, sapientes!

 

O Oceano Índico representa hoje uma área central das rotas comerciais do mundo. Mahan, em sua teoria das relações internacionais do século XIX, estava certo ao defender que a potência que dominar o Oceano Índico controlará toda a Ásia. Atualmente é ainda mais claro o papel dessas águas para toda a dinâmica global, não é mesmo?

 

Nesse cenário de interdependências crescentes, o Sri Lanka começa e se mostrar como um ator com potencial para se tornar um líder regional. Desde 2005, o país tem se apoiado na China para financiar seu desenvolvimento e os projetos de infraestrutura do país. O Porto e Aeroporto de Hambantota, a Torre de Lótus e a Rodovia Central são alguns dos resultados dos investimentos chineses.

 

Port City

 

No entanto o projeto mais relevante que é fruto dessa parceria é o “Colombo Financial District”, também conhecido como “Port City”, uma ilha artificial de cerca de 2,7km² construída para ser parte da estratégia do “colar de pérolas chinês”. O objetivo de Beijing com a construção da ilha artificial é poder comprar ou alugar as instalações portuárias para facilitar o abastecimento e manutenção do seu transporte marítimo de mercadorias em direção ao Oriente Médio como parte na “nova rota da seda”. Apesar do grande potencial econômico desse projeto para o Sri Lanka, não podemos esquecer também o enorme impacto para a vida marinha que ele tem causado.

 

Nem tudo são flores...

 

“Port City” promete bastante para o futuro do Sri Lanka, no entanto, por enquanto só deixou o país atolado em dívidas e incapaz de restituir os empréstimos feitos com a China. Ao buscar uma saída para esse problema, o Sri Lanka passou, em 2018, por uma grande mudança política em seu governo e agora vem buscando estreitar laços com outros atores de peso global para reequilibrar o poder da potência asiática. Esse é o caso de suas relações com os Estados Unidos, Japão e mesmo com seus vizinhos.

 

Quer se tornar um diplomata, mas não sabe por onde começar?

 

Para você que está começando agora sua preparação para o Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD) e também para você que já se prepara há algum tempo e busca uma estratégia de estudos dinâmica e eficiente, o Sapientia desenvolveu a Trilha Regular Extensiva (TRE), um programa completo pensado para otimizar sua preparação, perpassando todos os itens do edital do concurso de forma sólida e pragmática. A TRE utiliza o que há de melhor dos recursos multimídia para unir teoria, prática e aprofundamento para te auxiliar a atingir um ótimo resultado no Concurso da Diplomacia. Curtiu a ideia?

 

 

 >>> Saiba mais sobre a nossa orientação 100% gratuita clicando aqui.

 

 

Bons estudos!

sugestao-de-leitura-para-o-cacd-o-quinze

ARTIGOS RELACIONADOS